Espaço Branco
Sê bem-vindo ao Espaço Branco, regista-te para obteres algumas permissões, como criar ou responder a tópicos. O nosso fórum é sobre tudo desde juventude até tecnologia, o nosso objectivo é criar uma grande comunidade de amigos, por isso diverte-te!

Cumprimentos,
©️ Espaço Branco™️
Últimos assuntos
» yo \o/
Qua Dez 01, 2010 3:21 pm por Cavalera

» Λιλιανα, photo galerie. act. 05/09/2010
Dom Nov 21, 2010 2:54 am por Λιλιανα

» Americana chama-se Boo! em homenagem ao Halloween
Sex Nov 05, 2010 11:05 am por LucasMarley

» Ministra francesa manda retocar foto
Sex Nov 05, 2010 11:02 am por LucasMarley

» Polvo-adivinho já tem sucessor
Sex Nov 05, 2010 10:58 am por LucasMarley

» Luta entre ‘Homem-Aranha’ e ‘Capitão América’ acaba na prisão
Sex Nov 05, 2010 10:55 am por LucasMarley

» Casal de 60 anos apanhado a fazer sexo junto ao hospital
Sex Nov 05, 2010 10:53 am por LucasMarley

» EUA: Lady Gaga inspira disciplina universitária
Seg Nov 01, 2010 12:34 pm por LucasMarley

» Dilma faz história
Seg Nov 01, 2010 12:31 pm por LucasMarley

» Informação aos membros.
Seg Nov 01, 2010 12:29 pm por LucasMarley

» Espaço do spam.
Sab Out 30, 2010 9:28 pm por Cavalera

» Notas dos testes
Sex Out 29, 2010 11:37 pm por LucasMarley

Estatísticas
Temos 27 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de valentine

Os nossos membros postaram um total de 3574 mensagens em 503 assuntos
Parcerias
O nosso banner: 120x60

86x40


A síndrome do coração partido.

Ir em baixo

A síndrome do coração partido.

Mensagem por Joaninha em Seg Ago 30, 2010 2:20 am

Esta síndrome é de ocorrência muito rara, e acomete principalmente as mulheres de meia idade. Tanto pelo grupo de pessoas mais acometidas, como pelo seu nome, poderia haver a sugestão de que se trate de um envolvimento mais relacionado a coisas emocionais do que a uma doença orgânica do coração.

A doença foi pela primeira vez relatada no Japão; atualmente, já existem relatos de casos semelhantes nos Estados Unidos e mesmo no Brasil. De momento, o total de casos relatados na literatura médica não passa de 200. Provavelmente, existem mais casos de pessoas acometidas, mas que não foram diagnosticados por ser uma síndrome desconhecida.

As manifestações da doença são as de um infarto do miocárdio, que acomete principalmente mulheres de meia idade; as alterações eletrocardiográficas são as de um infarto agudo do miocárdio e as alterações das enzimas do sangue comprovam a lesão do músculo cardíaco. A evolução costuma ser boa e, geralmente, é de curta duração com a recuperação das alterações registradas no início da doença.

O que chama a atenção, o que dá a chave para o diagnóstico, são os estudos hemodinâmicos destes corações. As artérias coronárias costumam ser praticamente normais e a ventriculografia mostra um coração com a ponta dilatada, inativa e o restante do coração continua se contraindo normalmente durante a sístole ventricular. Esta parte, que se contrai de modo normal, e a parte que não sofre a contração sistólica esperada geram a imagem que sugere haver uma parte normal e a outra anormal. É como se uma parte do ventrículo funcionasse normalmente e a outra não, provocando a impressão de coração partido.

A síndrome do coração partido é uma doença de bom prognóstico, pois a evolução destes infartos costuma ser rápida e boa, não deixando seqüelas maiores. De um modo geral, acontece a recuperação total dos pacientes em poucos dias, apesar das manifestações iniciais alarmantes.

O que mais chama a atenção nesta síndrome é que a grande maioria, mais de 95% acontece em mulheres de meia idade.

Abcdasaude
avatar
Joaninha
Administrador
Administrador

Mensagens : 678
Pontinhos : 7000
Espaços branquinhos : 1
Data de inscrição : 29/08/2010
Idade : 23
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://jpatricia95.hi5.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum